Inteligência Artificial tem sido uma das tecnologias que mais refletem o período de transformação digital. É a partir das várias técnicas computacionais de IA que algoritmos capazes de extrair e processar quantidades gigantes de dados podem ser desenvolvidos e aplicados nas indústrias.

 

A Inteligência Artificial é uma das técnicas computacionais com maior destaque na última década. Por conta disso, preparamos um conteúdo que abrange os principais pilares dessa tecnologia que vem revolucionando nossas vidas. Clique e acesse!

hardware

Vivemos em uma era cada vez mais digital e a cada dia novas tecnologias tomam conta da nossa rotina, das nossas cidades, e também das indústrias. Entretanto, apesar das técnicas de inteligência artificial terem papel fundamental nas estratégias de transformação digital, não são apenas elas as responsáveis dessa incrível revolução digital que vivemos.

 

São os sensores IIoT e Digital Twin, os grandes responsáveis pelo ganho de aplicabilidade e  performance dos algoritmos de inteligência artificial dentro das indústrias.

 

IIoT é um dos principais responsáveis pela transformação digital nas indústrias, entenda como essa tecnologia é imprescindível para as operações através do nosso artigo. Clique e acesse. 

 

DIGITAL TWIN E INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL

 

Digital twin é uma das tecnologias responsáveis pela forte disruptura com modelos manuais de operação e processos. É através de seu uso que a nova era digital ganhou mais destaque dentro das indústrias. Um digital twin nada mais é do que um modelo virtual alimentado por um fluxo contínuo de dados de um ativo real, no qual pode-se estabelecer cenários, calcular perdas de produtividade e entender mecanismos de falhas através de conhecimento gerado através das várias fases do PLM.

 

É graças ao emprego dessa tecnologia que muitas indústrias puderam gerar novas formas de automatização em seus processos.

 

A partir do momento em que existe um fluxo contínuo de dados, visualizar elementos, identificar anomalias que possam indicar perda de performance, ou até mesmo a raiz de falhas que possam desencadear interrupções em uma linha de produção, se tornam tarefas menos complexas, rápidas, e com um grau de assertividade que não poderia ser atingido sem o conhecimento gerado pelo digital twin.

men using twin navigator

Quando usamos algoritmos de predição e otimização em um Digital Twin, o fluxo contínuo de dados passa então a ser processado por mecanismos capazes de prever possíveis cenários, identificar oportunidades de otimização no fluxo de trabalho atual, ou até mesmo gerar alertas quando necessário.

 

As possibilidades geradas pela junção dessas duas tecnologias são inúmeras e cada vez mais as indústrias entendem a necessidade de ir ao encontro da transformação digital.

 

Ter um software capaz de prever cenários, refinar o uso de mão-de-obra em campo e encontrar novas oportunidades de otimização tem atraído a atenção das indústrias que historicamente se mostravam menos receptivas à transformação digital.

 

É graças aos resultados que o uso de uma ferramenta refinada pode trazer às operações que essa mudança de posicionamento das indústrias vem acontecendo.

 

Ter dados cruciais para tomada de decisões em alguns cliques, localizar anomalias, traçar planos de manutenção de acordo com a saúde dos ativos, e otimizar o tempo de equipe em campo são apenas algumas das muitas mudanças que o uso de IA, Digital Twin e IIoT tem proporcionado às indústrias. 

 

A tendência é que essa necessidade de digitalização do setor industrial se intensifique ainda mais nos próximos anos. Segundo estudo publicado pela Gartner é previsto que em 2022 pelo menos dois terços das companhias que já fazem uso de IIoT(Industrial Internet of Things) tenham implementado também o Digital Twin em suas operações. Além disso, o mesmo estudo ainda indica que 13% das indústrias já fazem o uso de digital twin e que 62% estão no processo de implementação.

Mining Crew on Site

Isso nos mostra a consciência por parte do setor em refinar seus processos e operações através do uso de tecnologia para que melhores resultados sejam atingidos. 

 

Entenda detalhadamente como os softwares vem fazendo o uso de digital twin e inteligência artificial e suas vantagens para o setor. Clique e acesse agora mesmo.

Inteligência Artificial tem sido uma das tecnologias que mais refletem o período de transformação digital. É a partir das várias técnicas computacionais de IA que algoritmos capazes de extrair e processar quantidades gigantes de dados podem ser desenvolvidos e aplicados nas indústrias.

 

A Inteligência Artificial é uma das técnicas computacionais com maior destaque na última década. Por conta disso, preparamos um conteúdo que abrange os principais pilares dessa tecnologia que vem revolucionando nossas vidas. Clique e acesse!

hardware

Vivemos em uma era cada vez mais digital e a cada dia novas tecnologias tomam conta da nossa rotina, das nossas cidades, e também das indústrias. Entretanto, apesar das técnicas de inteligência artificial terem papel fundamental nas estratégias de transformação digital, não são apenas elas as responsáveis dessa incrível revolução digital que vivemos.

 

São os sensores IIoT e Digital Twin, os grandes responsáveis pelo ganho de aplicabilidade e  performance dos algoritmos de inteligência artificial dentro das indústrias.

 

IIoT é um dos principais responsáveis pela transformação digital nas indústrias, entenda como essa tecnologia é imprescindível para as operações através do nosso artigo. Clique e acesse. 

 

DIGITAL TWIN E INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL

 

Digital twin é uma das tecnologias responsáveis pela forte disruptura com modelos manuais de operação e processos. É através de seu uso que a nova era digital ganhou mais destaque dentro das indústrias. Um digital twin nada mais é do que um modelo virtual alimentado por um fluxo contínuo de dados de um ativo real, no qual pode-se estabelecer cenários, calcular perdas de produtividade e entender mecanismos de falhas através de conhecimento gerado através das várias fases do PLM.

 

É graças ao emprego dessa tecnologia que muitas indústrias puderam gerar novas formas de automatização em seus processos.

 

A partir do momento em que existe um fluxo contínuo de dados, visualizar elementos, identificar anomalias que possam indicar perda de performance, ou até mesmo a raiz de falhas que possam desencadear interrupções em uma linha de produção, se tornam tarefas menos complexas, rápidas, e com um grau de assertividade que não poderia ser atingido sem o conhecimento gerado pelo digital twin.

men using twin navigator

Quando usamos algoritmos de predição e otimização em um Digital Twin, o fluxo contínuo de dados passa então a ser processado por mecanismos capazes de prever possíveis cenários, identificar oportunidades de otimização no fluxo de trabalho atual, ou até mesmo gerar alertas quando necessário.

 

As possibilidades geradas pela junção dessas duas tecnologias são inúmeras e cada vez mais as indústrias entendem a necessidade de ir ao encontro da transformação digital.

 

Ter um software capaz de prever cenários, refinar o uso de mão-de-obra em campo e encontrar novas oportunidades de otimização tem atraído a atenção das indústrias que historicamente se mostravam menos receptivas à transformação digital.

 

É graças aos resultados que o uso de uma ferramenta refinada pode trazer às operações que essa mudança de posicionamento das indústrias vem acontecendo.

 

Ter dados cruciais para tomada de decisões em alguns cliques, localizar anomalias, traçar planos de manutenção de acordo com a saúde dos ativos, e otimizar o tempo de equipe em campo são apenas algumas das muitas mudanças que o uso de IA, Digital Twin e IIoT tem proporcionado às indústrias. 

 

A tendência é que essa necessidade de digitalização do setor industrial se intensifique ainda mais nos próximos anos. Segundo estudo publicado pela Gartner é previsto que em 2022 pelo menos dois terços das companhias que já fazem uso de IIoT(Industrial Internet of Things) tenham implementado também o Digital Twin em suas operações. Além disso, o mesmo estudo ainda indica que 13% das indústrias já fazem o uso de digital twin e que 62% estão no processo de implementação.

Mining Crew on Site

Isso nos mostra a consciência por parte do setor em refinar seus processos e operações através do uso de tecnologia para que melhores resultados sejam atingidos. 

 

Entenda detalhadamente como os softwares vem fazendo o uso de digital twin e inteligência artificial e suas vantagens para o setor. Clique e acesse agora mesmo.

Inteligência Artificial tem sido uma das tecnologias que mais refletem o período de transformação digital. É a partir das várias técnicas computacionais de IA que algoritmos capazes de extrair e processar quantidades gigantes de dados podem ser desenvolvidos e aplicados nas indústrias.

 

A Inteligência Artificial é uma das técnicas computacionais com maior destaque na última década. Por conta disso, preparamos um conteúdo que abrange os principais pilares dessa tecnologia que vem revolucionando nossas vidas. Clique e acesse!

hardware

Vivemos em uma era cada vez mais digital e a cada dia novas tecnologias tomam conta da nossa rotina, das nossas cidades, e também das indústrias. Entretanto, apesar das técnicas de inteligência artificial terem papel fundamental nas estratégias de transformação digital, não são apenas elas as responsáveis dessa incrível revolução digital que vivemos.

 

São os sensores IIoT e Digital Twin, os grandes responsáveis pelo ganho de aplicabilidade e  performance dos algoritmos de inteligência artificial dentro das indústrias.

 

IIoT é um dos principais responsáveis pela transformação digital nas indústrias, entenda como essa tecnologia é imprescindível para as operações através do nosso artigo. Clique e acesse. 

 

DIGITAL TWIN E INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL

 

Digital twin é uma das tecnologias responsáveis pela forte disruptura com modelos manuais de operação e processos. É através de seu uso que a nova era digital ganhou mais destaque dentro das indústrias. Um digital twin nada mais é do que um modelo virtual alimentado por um fluxo contínuo de dados de um ativo real, no qual pode-se estabelecer cenários, calcular perdas de produtividade e entender mecanismos de falhas através de conhecimento gerado através das várias fases do PLM.

 

É graças ao emprego dessa tecnologia que muitas indústrias puderam gerar novas formas de automatização em seus processos.

 

A partir do momento em que existe um fluxo contínuo de dados, visualizar elementos, identificar anomalias que possam indicar perda de performance, ou até mesmo a raiz de falhas que possam desencadear interrupções em uma linha de produção, se tornam tarefas menos complexas, rápidas, e com um grau de assertividade que não poderia ser atingido sem o conhecimento gerado pelo digital twin.

men using twin navigator

Quando usamos algoritmos de predição e otimização em um Digital Twin, o fluxo contínuo de dados passa então a ser processado por mecanismos capazes de prever possíveis cenários, identificar oportunidades de otimização no fluxo de trabalho atual, ou até mesmo gerar alertas quando necessário.

 

As possibilidades geradas pela junção dessas duas tecnologias são inúmeras e cada vez mais as indústrias entendem a necessidade de ir ao encontro da transformação digital.

 

Ter um software capaz de prever cenários, refinar o uso de mão-de-obra em campo e encontrar novas oportunidades de otimização tem atraído a atenção das indústrias que historicamente se mostravam menos receptivas à transformação digital.

 

É graças aos resultados que o uso de uma ferramenta refinada pode trazer às operações que essa mudança de posicionamento das indústrias vem acontecendo.

 

Ter dados cruciais para tomada de decisões em alguns cliques, localizar anomalias, traçar planos de manutenção de acordo com a saúde dos ativos, e otimizar o tempo de equipe em campo são apenas algumas das muitas mudanças que o uso de IA, Digital Twin e IIoT tem proporcionado às indústrias. 

 

A tendência é que essa necessidade de digitalização do setor industrial se intensifique ainda mais nos próximos anos. Segundo estudo publicado pela Gartner é previsto que em 2022 pelo menos dois terços das companhias que já fazem uso de IIoT(Industrial Internet of Things) tenham implementado também o Digital Twin em suas operações. Além disso, o mesmo estudo ainda indica que 13% das indústrias já fazem o uso de digital twin e que 62% estão no processo de implementação.

Mining Crew on Site

Isso nos mostra a consciência por parte do setor em refinar seus processos e operações através do uso de tecnologia para que melhores resultados sejam atingidos. 

 

Entenda detalhadamente como os softwares vem fazendo o uso de digital twin e inteligência artificial e suas vantagens para o setor. Clique e acesse agora mesmo.